lundi 25 octobre 2010

Le bois en bois



Na madeira, linhas, estalos e repetições
barbantes amadeirados ainda trazem o cheiro da floresta…

Dégradés ondulados, furos e borrões
antes, árvores! Antes árvore do que superfície.

Desenhos úmidos, nuances e imperfeições.
Do nylon bantendo na madeira, ondulações…

(…)

Le bois, les bois…
Les bois au bois…
(…)

En bois…
Fibras a estirar seus padrões,
Um interno todo em perfeições.

Seiva, xilema, trajeto em poema…
de uma pele com exaltados arranhões.

Por Tatiares

Aucun commentaire:

Enregistrer un commentaire